Como saber a hora de trocar os filtros do carro?

*/?>
161

Quando falamos em filtros, a maioria dos motoristas se lembra do filtro do motor e sabe que é necessário trocá-lo periodicamente. Mas você sabia que o seu carro pode ter mais 4 filtros diferentes que também devem ser checados sempre? Assim você não tem que trocar os filtros do carro quando um problema maior aparecer, e acabar parado no meio da rua.

Pois é. Os filtros mantêm o funcionamento de partes importantes do carro, além de deixar o veículo mais eficiente, e é por isso que eles precisam de manutenção regular, para evitar que poeira e outras impurezas entrem em partes importantes do carro.

Você sabe com qual frequência você deve trocar os filtros do carro? Acompanhe o artigo e saiba como trocar os filtros do carro de maneira correta!

Quantos filtros existem no carro?

A maioria dos modelos varia entre 4 e 5 filtros. Um dos mais esquecidos pelos motoristas é o filtro de ar da cabine, que fica atrás do porta-luvas. Mesmo os carros que não possuem ar-condicionado possuem esse tipo de filtro, que mantém ar do interior do carro limpo da sujeira e poluição das ruas.

Nos modelos que possuem ar condicionado, além do filtro de ar da cabine, o carro conta, ainda, com o filtro de ar do próprio ar-condicionado, que também precisa de manutenção constante para que você não respire poeira e eventuais bactérias que podem se acumular ali ao longo do tempo.

Já no interior do carro, temos os filtros de óleo, de combustível e de motor. Esses filtros são responsáveis por manter as partes mais importantes do carro longe de sujeiras que podem danificar as peças.

Com qual frequência devo trocar os filtros do carro?

Homem trocando os filtros do carro

Filtro de ar da cabine

Utilizados para filtrar poeiras e detritos encontrados no ar para manter o ambiente dentro do carro mais saudável para os passageiros, o filtro de ar da cabine precisa ser trocado sempre que necessário.

O tempo entre as trocas pode variar de acordo com o ambiente em que o veículo circula. Os fabricantes recomendam que as trocas sejam feitas a cada 10 mil quilômetros rodados, mas em cidades grandes e muito poluídas ou veículos que costumam circular em estradas de terra podem fazer o filtro acumular sujeira mais rapidamente, exigindo mais trocas.

Filtro de ar do ar-condicionado

Outro filtro utilizado para manter a qualidade do ar que circula dentro do veículo é o filtro de ar condicionado. Além de proteger algumas peças, ele impede que o ar sujo ou odores do exterior cheguem ao interior do carro.

Como não existem prazos determinados para fazer a troca dos filtros de ar, o motorista deve se lembrar de checar a necessidade de substituição na hora da manutenção. Portanto, fique de olho na coloração do filtro de ar-condicionado do seu carro. Filtros encardidos, pretos ou com acúmulos de sujeiras precisam ser trocados imediatamente.

Filtro do motor

Todos os carros possuem um filtro de ar do motor e você precisa mantê-los novos e limpos. Sua função principal é evitar que impurezas do ar cheguem ao motor e atrapalhem o processo de combustão, o que reduz muito a eficiência da peça.

Então, se o desempenho do seu veículo começou a cair, é chegada a hora de trocar os filtros do carro. Alguns especialistas recomendam realizar a troca a cada 19.000 km rodados para os carros que rodam em estradas normais, ou 15.000 km para veículos expostos a maior quantidade de poeira ou poluição.

Filtro de combustível

Localizado entre o tanque e o motor, o filtro de combustível tem a função de evitar que sujeiras, sedimentos do combustível ou partículas de ferrugem cheguem ao motor do seu carro. Por isso, na hora de trocar os filtros do carro você precisa ficar de olho nessa região também.

Mesmo com uma duração média maior que a dos outros filtros, o filtro de combustível deve ser trocado de acordo com o prazo estabelecido. Especialistas recomendam que a troca seja feita a cada 35.000 km, podendo chegar aos 50.000 km nos modelos mais novos.

Filtro de óleo

O filtro de óleo fica acoplado ao motor e precisa ser trocado também. A falta de manutenção leva à formação de uma borra que entope a linha de lubrificação do propulsor.

A frequência de troca segue a mesma do óleo do carro. Afinal, não faz sentido você trocar o óleo e deixar um filtro sujo por lá, não é? Os valores dos filtros de óleo disponíveis no mercado são irrisórios perto do valor do conserto de um motor mal lubrificado.

Apenas os carros precisam fazer a troca dos filtros?

Homem segurando motor de carro

A resposta é: não! As motocicletas, assim como os carros, precisam de manutenção constante nos filtros. A quantidade de filtros nesses veículos é reduzida, no entanto, bem como o tempo entre uma troca e outra. Trocar os filtros da moto não é a mesma coisa que trocar os filtros do carro, mas deve seguir rituais parecidos.

Os filtros de ar do motor da moto, por exemplo, devem ser substituídos a cada 10.000 km. Já os filtros de óleo podem seguir a mesma frequência de troca recomendada para a troca do óleo. Alguns fabricantes recomendam fazer essa troca a cada 1.000 km rodados.

Os filtros de combustível devem ser observados também. Por não ter um tempo determinado de vida útil, durante as manutenções rotineiras sempre peça para o responsável na oficina verificar o estado dos filtros.

Depois de tudo o que você aprendeu sobre a importância de trocar os filtros do carro ou da moto, com certeza você não vai mais deixar esse tipo de manutenção simples se tornar uma baita dor de cabeça, não é?

E a troca de filtros é tão fácil de fazer que você nem precisa levar na oficina. Saiba mais no nosso próximo artigo sobre a manutenção que você pode fazer sozinho em casa mesmo!