5 motivos que mais causam acidentes de carro nas estradas

*/?>
207
acidentes de carro

Conhecer os principais motivos que levam a acidentes de carro na estrada é uma das melhores formas de evitá-los. Prestar atenção aos detalhes é importante para dirigir com segurança e evitar qualquer coisa que possa causar riscos à sua família.

Para te deixar informado dos problemas que podem causar acidentes de carro nas estradas, preparamos uma lista com as causas mais comuns que levam a uma situação de perigo. Assim você pode se preparar melhor para viajar nesse fim de ano!

Preste atenção!

Veículo na estrada: é preciso cuidado para evitar acidentes de carro.

Falha humana

O motivo mais comum para que acidentes de carro aconteçam é a falha humana. Todos somos passíveis de erros e qualquer descuido por parte do motorista pode levar a uma ocorrência indesejada. Por isso é importante estar preparado para manter-se em segurança.

Um erro muito comum é a falta de atenção ao volante. Alguns segundos de distração são suficientes para se perder o controle do carro por alguns quilômetros. Para isso é importante descansar bem antes de pegar a estrada e evitar estímulos como aparelhos eletrônicos, principalmente o celular.

Também é muito importante seguir as regras básicas de segurança à risca. Você nunca sabe o que pode acontecer na estrada, então o cinto de segurança é essencial para toda a família, seja no banco da frente ou no banco de trás.

É preciso também respeitar os limites de velocidade. Eles são estabelecidos justamente para minimizar os riscos de cada trajeto. Com atenção, respeito à sinalização e às regras de velocidade você já reduz muito as suas chances de sofrer acidentes de carro.

Buracos no asfalto

Veículo passa por estrada com buracos que podem causar acidentes de carro.

Quanto mais irregular o asfalto da estrada, maior o risco de acidentes de carro. Os buracos levam a mudanças bruscas de direção que podem surpreender o motorista e tirar o veículo do caminho, jogando-o para a outra via ou contra objetos no acostamento.

Além disso, buracos vão forçando o ar para fora dos pneus, que podem estourar. Por isso é recomendado não passar diretamente sobre eles.

Para evitar acidentes de carro, nesse caso, o melhor é reduzir a velocidade quando o asfalto começar a apresentar irregularidades. Dessa forma o carro sofrerá menos impacto e reagirá de forma menos brusca caso um buraco desestabilize sua direção, dando mais tempo para o motorista recuperar o controle.

Se quiser se livrar dos buracos, dê prioridade para vias mais bem cuidadas na hora de planejar sua rota. Em geral,aquelas sob concessão de empresas tendem a ser mais seguras, uma vez que os motoristas precisam pagar pedágio justamente para garantir a manutenção constante.

Imprudência alheia

Infelizmente, mesmo que sejamos cuidadosos e evitemos situações perigosas que podem causar acidentes de carro, ainda estamos sujeitos à imprudência dos outros motoristas que podem nos colocar em situações de risco.

A resposta para essa situação tem nome e sobrenome: direção defensiva. Essa prática é aprendida ainda na auto-escola, mas costuma ser esquecida após algum tempo no volante.

O princípio básico da direção defensiva é evitar situações em que a imprudência dos outros pode lhe causar riscos e saber reagir a elas. Para isso, mantenha sempre uma distância folgada com relação ao carro da frente,de pelo menos duas vezes e meia o tamanho do seu carro.

Pode ser que outros motoristas tentem te ultrapassar fora do local recomendado. Isso é um problema, pois até acidentes de carro na via ao lado, envolvendo outros veículos, podem apresentar riscos para você. Nesse caso, aumente a distância e fique atento.

A principal dica de direção defensiva para viajar sem acidentes de carro é a mesma de sempre: vá devagar!

Estradas perigosas

Estrada sinuosa: é preciso cuidado para não causar acidentes de carro.

Os perigos representados por uma estrada vão além dos buracos no asfalto. Algumas vias são feitas em locais mais complicados ou com potencial para tornar quaisquer acidentes de carro muito piores.

Um exemplo são as estradas nas serras, em que acidentes de carro podem ser sinônimo de uma queda de grande altura. Outras estradas apresentam curvas acentuadas que reduzem a visibilidade e tornam a ultrapassagem um risco.

Para se manter seguro com relação a essas estradas, estude o caminho antes através de um mapa. Se já for familiarizado com o percurso, redobre a atenção e não seja vítima do próprio excesso de confiança. Enquanto dirige, mantenha o GPS ligado para verificar quais são as melhores opções para ultrapassagem e evitar riscos.

Problemas climáticos também causam acidentes de carro

A visibilidade é o fator mais importante na hora de dirigir. Na estrada, ser capaz de enxergar os objetos que se aproximam é essencial para evitar acidentes de carro. Por isso qualquer situação que reduza sua visibilidade representa riscos.

Chuva e neblina são os dois exemplos mais comuns dessas situações. No caso da chuva, há ainda o agravante da estrada ficar escorregadia, com risco de aquaplanagem caso os pneus percam aderência.

Chuvas finas são fáceis de administrar, mas tempestades fortes que formam poças e reduzem muito a visibilidade pedem uma parada estratégica em algum posto ou até no acostamento.

Para dirigir na neblina, é essencial manter o farol aceso e velocidade reduzida. O carro tem que estar com todas as lanternas externas bem reguladas e o ideal é contar com um farol de neblina, feito justamente para essa situação. Sem ele, é mais prudente esperar a visibilidade melhorar antes de seguir viagem.

A paciência, no final das contas, é a melhor forma de evitar acidentes de carro.

Para manter a visibilidade, é preciso sempre cuidar do farol do carro. A seguir, aprenda a identificar problemas nas lâmpadas antes mesmo delas apagarem no nosso artigo.