Guia de segurança na estrada pra situação não piorar

*/?>
169
Carro parado em acostamento: é preciso cuidado para não comprometer a segurança na estrada.

Dirigir com segurança na estrada não é difícil, mas vai muito além de ter aquele extintor de incêndio ou um triângulo para sinalizar acidentes. Para ter uma viagem realmente segura, o recomendado é estar preparado para não deixar uma situação ruim piorar.

Como se preparar e ter certeza de que está dirigindo com segurança na estrada? Quais práticas podem ajudar a não deixar imprevistos piorarem? Quem pode ajudar caso você precise? Todas essas dúvidas você vai tirar nesse artigo!

Aperta o cinto e vem comigo!

Carro na rodovia: segurança na estrada depende de estar precavido.

Segurança na estrada: como se prevenir

Existem diferentes graus de imprevistos. Desde os mais leves, como um pneu furado, até os mais complicados, como o carro vazar todo o óleo de motor. É claro que estar preparado para resolver rapidamente essas diversas situações exige diferentes medidas de segurança na estrada.

Pra começar, é bom manter o carro com a manutenção em dia. Isso significa se proteger de possíveis falhas que, além de causar acidentes, podem piorar a situação em casos de colisões.

Por exemplo: é importante ter sempre o estepe para trocar o pneu caso necessário, com todas as ferramentas associadas: macaco e chave de roda. Além disso, o extintor de incêndio lacrado dentro da data de validade, os cabos necessários para fazer chupeta no carro e uma caixa de ferramentas.

Sempre verifique se o pisca alerta está funcionando corretamente. Também olhe a condição dos faróis,se o triângulo sinalizador não está muito velho, pois com o tempo ele pode perder a capacidade de refletir a luz dos carros durante a noite.

O importante é sempre manter o carro equipado e em bom estado de conservação para ter segurança na estrada e ficar pronto para encarar imprevistos.

Como evitar que o acidente se agrave?

Motorista de olho na rodovia: a comunicação é importante para a segurança na estrada.

Uma questão que pode colocar em risco a segurança na estrada é o fato de que a maior parte dos acidentes tem potencial de agravamento caso as medidas certas não sejam tomadas. Uma colisão simples pode virar um engavetamento ou algo pior.

O ideal é tentar sempre reduzir os riscos. Se houver como, desloque os veículos envolvidos para o acostamento ou para fora da pista e sinalize com o pisca alerta, o triângulo e galhos de árvore espalhados por uma longa distância do acostamento, com dez passos entre cada um por até um quilômetro de distância.

Os galhos servem como um aviso antecipado no acostamento de que algo à frente está comprometendo a segurança na estrada, deixando os motoristas que se aproximam já preparados para a situação.

O triângulo tem o efeito de servir de aviso de perigo, bem como o pisca alerta. O primeiro reflete a luz do farol do carro se aproximando e ajuda o motorista a notar a distância do carro parado. O segundo serve para chamar mais a atenção ao fato de algo estar parado no caminho.

O lugar onde o carro vai ser parado também pode ajudar a manter a segurança na estrada. É melhor, por exemplo, parar o carro na subida, onde a visibilidade de quem se aproxima será maior e a velocidade menor.

Também não é bom ficar no meio da pista. Se não houver acostamento, vale até ir pro meio do mato, tomando cuidado apenas em caso de chuva forte.

Para quem pedir ajuda?

Carro parado em acostamento: é preciso cuidado para não comprometer a segurança na estrada.

Quando o carro para por causa de um pneu furado, é fácil trocar pelo estepe e seguir viagem até um borracheiro. Quando o problema é mais sério, como um defeito no motor, a questão é mais embaixo. Para começar, nem sempre as peças necessárias para arrumar o veículo estarão disponíveis.

Caso você precise parar o carro, ligue para um guincho ou peça ajuda. Em geral, a responsável por isso é a empresa administradora da rodovia, então é questão de segurança na estrada anotar o número de emergência antes de sair de casa.

Nem todas as rodovias são privatizadas. No caso de rodar por uma rodovia ainda em controle público, ligue para a polícia rodoviária ou para o departamento de estradas e rodagens da cidade mais próxima.

Caso o seu celular esteja sem sinal, saiba que as empresas colocam uma linha direta para pedir ajuda em diferentes pontos da estrada. Pode ser uma caminhada longa, mas é melhor do que esperar a ajuda cair do céu.

Lembre-se então que para ter segurança na estrada você precisa manter o carro sempre com a manutenção em dia e com tudo que precisa para emergências. Em caso de algum problema, sinalize e peça ajuda!

Se o carro parou do nada e você não sabe o que comprometeu a sua segurança na estrada, dá uma olhadinha no nosso artigo que ajuda a descobrir a causa da parada!